Mamoplastia de aumento

Implante mamário – prótese de mama

A cirurgia deixa cicatrizes?

Sim. Mas esta cirurgia permite-nos colocar as cicatrizes em locais bastante disfarçados, o que é muito conveniente. Além da cicatriz ser muito pequena.

Onde se localizam as cicatrizes?

Alguns cirurgiões as situam no sulco formado entre a mama e o tórax. Outros, na área da aréola, e até mesmo na axila. Dependendo de cada caso será optado o local da cicatriz.

Como ficarão as mamas em relação ao tamanho e consistência?

O tamanho será definido em função das preferências da paciente, expectativas e possibilidades técnicas de cada caso, antes da cirurgia este assunto é discutido exaustivamente para se chegar ao tamanho correto, são utilizados inclusive moldes de teste para se escolher o volume.

As mamas podem ter seu volume aumentado através da cirurgia. Além disso, almejamos melhorar sua consistência e forma com a intervenção cirúrgica. Assim é que, neste caso, pode-se escolher o novo volume, pois dispomos de vários tamanhos de implantes de silicone a serem utilizadas. Utilizamos apenas as peças pré-moldadas de mamas, o que nos proporciona maior opção quanto ao resultado estético. Existe uma harmonia entre o volume ideal das mamas e o tamanho do tórax, característica esta que deve ser preservada no planejamento da cirurgia. Deverão ser mantidas as proporções entre o volume da nova mama e o tamanho do tórax de cada paciente, a fim de se obter uma maior harmonia estética. A mama, assim operada, passará por vários períodos evolutivos:

  1. a) Período Imediato : Vai até o 30º dia. Neste Período, apesar das mamas se apresentarem com aspecto bastante melhorado, sua forma e volume ainda estarão aquém do resultado planejado. Lembre-se desta observação: Nenhuma mama será “perfeita” no pós-operatório imediato.
  2. b) Período Mediato : Vai do 30º dia até o 3º mês – Neste período, a mama começa a apresentar uma evolução que tende à forma definitiva. São características deste período um maior ou menor grau de “inchaço” das mamas; além disso, o aspecto cicatricial encontra-se em plena fase de transição. Apesar da euforia da maioria das pacientes, já neste período, costumamos dizer às mesmas que seu resultado ficará melhor ainda, pois, isto será a característica do período tardio.
  3. c) Período Tardio : Vai do 3º mês até o 12º ou 18º mês. É o período em que a mama atinge seu aspecto definitivo (cicatriz, forma, consistência, volume, sensibilidade, etc.). É neste período que costumamos fotografar os casos operados, a fim de compará-los com o aspecto pré-operatório de cada paciente. Tem grande importância no resultado final, o grau de elasticidade da pele das mamas, bem como o volume da prótese introduzida. O equilíbrio entre ambos varia de caso para caso.

EM QUANTO TEMPO ATINGIREI O RESULTADO DEFINITIVO?

Apesar do resultado imediato ser muito bom, somente na fase mencionada como “período tardio” (vide item anterior) é que as mamas atingirão sua forma definitiva.

NO CASO DE NOVA GRAVIDEZ, O RESULTADO PERMANECERÁ OU FICARÁ PREJUDICADO?

O seu ginecologista lhe dirá da conveniência ou não de nova gravidez. Quanto ao resultado, poderá ser preservado, desde que aquele especialista controle seu aumento de peso na nova gestação. Geralmente não há problema da nova gravidez interferir no resultado, já que a cirurgia é realizada habitualmente “fora do tecido mamário”, não impedindo inclusive a lactação.

O PÓS-OPERATÓRIO DESTA CIRURGIA É DOLOROSO?

Geralmente NÃO. Este pós-operatório é indolor, desde que você obedeça às instruções médicas, principalmente no que tange à movimentação dos braços, nos primeiros dias. Eventualmente poderá ocorrer manifestação dolorosa, que facilmente cederá com os analgésicos receitados.

HÁ PERIGO NESTA OPERAÇÃO?

Raramente a cirurgia plástica estética de aumento determina sérias complicações. Isto se deve ao fato de se preparar convenientemente cada paciente, além de ponderarmos sobre a conveniência ou não da utilização das próteses de silicone, assim como sobre suas eventuais complicações.

São utilizados curativos?

Sim. Curativos elásticos e modelantes, especialmente adaptados a cada tipo de mama.

QUAL A EVOLUÇÃO PÓS-OPERATÓRlA?

Você não deve se esquecer que, até que se atinja o resultado almejado, as mamas passarão por diversas fases. Se lhe ocorrer a preocupação no sentido de “desejar atingir o resultado definitivo antes do previsto”, não faça disto motivo de sofrimento: tenha a devida paciência, pois seu organismo se encarregará espontaneamente de dissipar todos os transtornos imediatos que, infalivelmente chamarão a atenção. É evidente que toda e qualquer preocupação de sua parte deverá ser a nós transmitida; daremos os esclarecimentos necessários para sua tranquilidade.

Quando poderei retornar a ginástica?

Geralmente após 45 dias, com exercícios progressivos.

QUE VEM A SER A RETRAÇÃO DA CÁPSULA?

É uma retração exagerada da cápsula fibrosa normal (que se forma em torno da prótese), que determina certo grau de endurecimento à região, quando palpada. Certo percentual de casos poderá estar sujeito à tal retração; entretanto, se isto ocorrer em grau acentuado, as próteses poderão e deverão ser retiradas, através das mesmas cicatrizes, em ato cirúrgico simples. Posteriormente, ambos, cirurgião e paciente, poderão ponderar sobre a conveniência ou não da reintrodução de um novo implante ou outra conduta que melhor se adapte ao caso. A retração da cápsula não reflete imperícia do cirurgião, mas sim, uma reação exacerbada do organismo das pacientes que a apresentam. Felizmente, o número de retrações de cápsula diminuiu bastante atualmente, devido ao advento de inovações técnicas introduzidas na cirurgia plástica.